Da insolvência

É curioso que depois de ser pai nunca mais comprei uma peça de roupa, e embora seja a minha mulher que me compra tudo e me obrigue a usar camisinhas e camisolinhas por cima, mantenho os meus ray ray's (que foram para arranjar e parece que vem tudo de Itália e é caro para burro pôr uma haste nova) e os meus all star (velhinhos..) chuck taylors que me levam de volta às noites do BA ensopadinhas em imperiais à porta do extinto Danúbio.

 

Ando nostálgico. Vou teclar com muita força para fazer de conta que estou concentrado num projecto qualquer que nem o meu chefe sabe qual é.

publicado por tepidezcronica às 16:01 | link do post | comentar